Solução temporária Galaxy Tab 7 android 2.3.3

      Nenhum comentário em Solução temporária Galaxy Tab 7 android 2.3.3

A Samsung disponibilizou a atualização de alguns aparelhos galaxy tab 7 (GT-1000L) para a versão android 2.3.3 (de foyo para gingerbread).

Aqui no Brasil, nem todos aparelhos ainda foram contemplados com esta atualização.
A expectativa da atualização era obter um melhor desempenho.

No meu galaxy tab 7 a atualização foi feita no dia 06 de outubro de 2011 via KIES.
Aparentemente, houve realmente uma melhora no desempenho do equipamento.

Verifiquei com alguns amigos que possuem o equipamento e ainda não houve a liberação desta atualização, que suponho ser feita em breve.

Buscando informações na web, nota-se que muitos aparelhos não sofreram ainda a atualização.

Pude concluir até agora que os aparelhos que não foram atualizados foram aqueles adquiridos em operadoras ou aparelhos com apenas wifi (sem gsm).

Esta informação precisa ainda ser verificada.

Mesmo apresentando uma significada melhora na questão de desempenho no inicio, notei que com o decorrer do uso o desempenho do aparelho veio se degradando.

Analisando com mais calma, percebi que o consumo de memória estava extremamente alto.
Ao reiniciar o aparelho, com a memória ainda pouco utilizada, a performance voltava ao normal.
Com o tempo de uso, o problema persistia.

Quanto ao consumo de bateria, não pude notar melhora alguma.

Resumindo, a “tão esperada” atualização de rom para gingerbread, decepciona.

Algo precisava ser feito, o tempo passou e nenhuma outra atualização significativa surgiu.
Supondo que não há uma previsão de atualização, houve a necessidade de verificar com atenção o que tanto consumia a memória.
Na minha verificação, notei que os aplicativos “Orkut” e “Livraria cultura” (nesta ordem) estavam consumindo muita memória – mesmo sendo aplicativos nativos da ROM e que eu não utilizo.

A solução foi aplicar o root neste aparelho, com o intuito de remover estas aplicações.

Primeiro, apliquei o root, depois deixei as duas aplicações “congeladas” (freeze) para verificar se havia algum problema e se realmente a memória seria melhor utilizada.
Ao constatar que as aplicações poderiam ser retiradas sem problemas e que a melhora no consumo de memória seria eminente, fiz o backup das aplicações com a desinstalação na sequencia.

O root foi possível através das instruções no xda-developers.

Uma observação importante sobre o procedimento (acesso root) em aparelhos android :
Faça por sua conta e risco, tenha em mente que você poderá perder a garantia e que algum possível problema pode acarretar na perda do aparelho.

O aplicativo utilizado para desinstalar os aplicativos é o “System Tuner” , e para o funcionamento dele é necessário que o aparelho esteja com root.

Nestes links você encontra o procedimento para o root no galaxy tab 7 2.3.3.

http://droidangel.blogspot.com/2011/05/procedure-how-to-root-samsung-galaxy.html

http://forum.xda-developers.com/showthread.php?t=885734

Aplicativo para backup/desinstalação de aplicações nativas (use também por sua conta e risco) – versão freeware:

https://market.android.com/details?id=ccc71.pmw

Deixe uma resposta